Não era como eu pensava que seria

(Foto: Canva)

(Foto: Canva)

Publicado em Segunda-feira, 8 Novembro de 2021 as 1:20

Já usou essa frase? Não era como eu pensava que seria. Não saiu como o esperado. Não queria que o dia fosse assim. Eu esperava por algo diferente.

Comecei a trabalhar à distância. Os arquivos são compartilhados por uma rede que depende da internet. Isso quer dizer que eu preciso que a internet esteja funcionando para que eu possa trabalhar. Estou há dias com tudo em perfeito funcionamento. Mas hoje, no meio do dia, todas as conexões caíram. Estou há horas sem conseguir trabalhar e estou cheia de prazos apertados. Com certeza não era assim que eu pensava que meu dia de hoje seria.

Precisei pedir ajuda para pessoas que sei que estão mais que ocupadas, precisei que elas fizessem meu trabalho, porque a conexão falhou. Porque o imprevisto chegou. É engraçado, eles sempre chegam, e mesmo assim continuamos a acreditar que tudo vai sair como o esperado, que temos algum tipo de controle.

Essa é a ilusão que os seres humanos mais gostam de acreditar, a de que têm controle sobre algo. Posso não terminar esse texto, você pode não terminar esse texto. Que garantias temos de que estaremos vivos amanhã? Nenhuma! Nossa vida é frágil, é um sopro, e nos agarramos a qualquer tipo de controle que pensamos em ter, porque esse não saber, essa incerteza da vida nos conduz facilmente ao desespero.

E quem nunca se desesperou? Posso entrar na fila várias vezes, porque eu costumo me desesperar com facilidade. No entanto, quando o desespero vem, quando o imprevisto vem, quando as frustrações, as incertezas, as impossibilidades, quando qualquer desafio vem, meu coração pode se aquecer com a única certeza a qual de fato podemos nos apegar: nada foge ao controle do Pai Eterno! Deus está olhando, Deus está cuidando, agindo, amando, salvando. Deus está constantemente presente e ativo!

Não interessa como pensamos que algo será, não interessa o que esperamos de um dia, de um momento. O que realmente interessa é onde está firmada nossa fé, onde nosso coração busca abrigo, onde nossa mente se refugia. Porque os problemas vêm, eles chegam em pilhas e eles chegam todo dia. Contudo, quando eles baterem à sua porta, é isso que você precisa saber: você vai atender e conduzir essa visita ou vai descansar naquele que tudo pode e deixar que Ele faça o que só Ele pode fazer: ser o comandante das nossas vidas! A escolha é sua. Ainda que o desespero venha, lembre-se: há tempo de correr para o Pai!

Por Mariana Mendes, escritora e estudante de Letras. Trabalha com mídias sociais e fundou o canal EntreLinhas. Filha do Pai e filha de pastor. É apaixonada por ver a rotina com novos olhares.

* O conteúdo do texto acima é de total responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a opinião do Portal Guiame.

Leia o artigo anterior: Ponto de vista

 

Deixe um comentário