Quem são os 5 piores pastores do Brasil?

(Foto: Luis Quintero/Unsplash)

(Foto: Luis Quintero/Unsplash)

Publicado em Terça-feira, 28 Maio de 2019 as 5:25

Existe muito joio no meio do trigo. E muito sal sendo pisado pelos homens. A igreja evangélica no Brasil cresce a passos largos. Somos dezenas de milhões de evangélicos no Brasil e esse fenômeno é notório no mundo inteiro.

O grande problema é “que tipo de evangelho” tem crescido de forma tão explosiva em nossa nação? Que tipo de pregação? Existem muitos falsos profetas que pregam um outro evangelho, produzindo uma mensagem completamente estranha às Escrituras, desvirtuando a mensagem da graça de Deus, e produzindo, portanto, falsos crentes. Por isso listei aqui os 5 PIORES PASTORES DO BRASIL:

1. O pastor que faz do púlpito um show. Quando ele é a estrela principal, quando o talento é teatral e não verdadeiro, quando a pregação dá lugar ao entretenimento.

2. O pastor que explora sua ovelha financeiramente. Quando a ambição é maior que o amor. Quando a realização de plano é maior do que restaurar pessoas. Quando os que são explorados, feridos, machucados são mais do que aqueles que frequentam os púlpitos.

3. O pastor que determina a agenda divina. Quando o líder estabelece os critérios de cura, hora e lugar do milagre de Deus. É aquele pastor que assessora Deus determinando os dias que Ele vai agir e como vai fazer.

4. O pastor que escraviza as pessoas em doutrinas mágicas. Pastores que vedem crendices como amuletos ungidos, objetos com poder e uma série de campanhas intermináveis e ilusões de marketing baseados na ignorância bíblica das pessoas.

5. O pastor que usa versículos isolados para fundamentar heresias. Pastores que não consideram os contextos, teologia, fundamentos da fé e que simplesmente inventam doutrinas ou pensamentos que favorecem a sua visão particular de mundo espiritual.

A Deus toda a Glória!

Por Bruno dos Santos, Teólogo, Escritor, Lifecoaching e Palestrante nas áreas de Espiritualidade, Liderança e Autogestão.

* O conteúdo do texto acima é de colaboração voluntária, seu teor é de total responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a opinião do Portal Guiame.

Deixe um comentário