Cinco benefícios de um apartamento pequeno

(Foto: Agoda)

(Foto: Agoda)

Publicado em Sexta-feira, 6 Setembro de 2019 as 4:53

O tema de hoje é um assunto que talvez há um tempo atrás julgaria improvável: o aumento pela procura de apartamentos compactos.   

Estamos falando de unidades de 40, 30, até de 20m². Esse tipo de apartamento já é uma prática consolidada e estilo de vida em países como Japão e Coreia e, por mais que o choque de cultura seja grande, tem encontrado demanda nas grandes cidades do mundo, inclusive as brasileiras, como São Paulo e Curitiba.         

Claro, uma configuração como essa está longe de se tornar regra por aqui, afinal são realidades distintas, mas a praticidade que esse tipo de imóvel oferece tem atraído não só o olhar do consumidor final, mas também dos investidores!

Engana-se quem acredita que os benefícios desse tipo de unidade são superficiais ao dia-a-dia do morador. Por este motivo, listei alguns benefícios que pode te interessar não só como opção de moradia, mas para investimento!

1.LOCALIZAÇÃO

Muito bem localizados, os edifícios que abrigam esse tipo de imóvel ficam dentro dos grandes centros urbanos e oferecem uma gama diversificada de serviços.

2.ACESSIBILIDADE

Sem surpresas, né? As principais avenidas estarão ao seu entorno, possibilitando fácil acesso aos melhores lugares que a cidade escolhida pode oferecer. Você decidirá a forma como irá se locomover, que pode ser utilizando transportes convencionais, públicos e privados, até a possibilidade de aluguel de bicicletas e patinetes, por exemplo.          

3.OTIMIZAÇÃO DE TEMPO       

Não tem como pensar em acessibilidade e não falar em otimização de tempo; morar a poucos metros do trabalho e ter, muitas vezes, a infraestrutura de um cowork a sua disposição no prédio, é um privilégio nos dias atuais, onde o tempo desperdiçado em trânsito é absurdamente grande e, aqui, você o reduz a praticamente zero.

4.PRATICIDADE     

Trabalhando grande parte do seu dia e, na maioria dos casos também estudando, aqui mora o destaque. O ciclo repetitivo que a população urbana diariamente faz de levantar, tomar café da manhã (quando toma), sair para o trabalho, ir para a faculdade e voltar para casa, é a verdadeira motivação dessa procura, a busca por facilitação. Afinal, por que ter um apartamento enorme, se utilizo apenas 10% dele?

5.SOCIALIZAÇÃO

Isso mesmo que você leu! É um equívoco acreditar que a vida em 16m² é solitária. Os prédios que fornecem esse tipo de moradia oferecem um condomínio completo e muitas vezes com área de socialização entre os condôminos, o que tem feito que uma prática antiga e que vinha se perdendo retorne, a da boa vizinhança!       

Depois de falar de toda essa procura e demanda ainda tem dúvidas da grande oportunidade de negócio? Seja para passar temporadas ou para morar, cada vez mais esse tipo de imóvel tem saído, não só pela localização, mas por causa do custo-benefício, muito melhor que um apartamento de 2 dormitórios na Av. de Julho, por exemplo, com o preço de bairros mais afastados.        

Investimento em imóvel é um dos mais certos a se fazer, e investir em uma tendência é “batata”! Já pensou na possibilidade? Por que não?

Bons negócios!

Por Genys Alves Jr, empresário, advogado, pastor e corretor de imóveis há 18 anos com MBA em Gestão Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas. É membro integrante da Rede Imobiliária Secovi (Sindicato da Habitação) e um dos participantes na elaboração do Manual de Boas Práticas para o mercado de terceiros publicado pelo SECOVI/SP.

* O conteúdo do texto acima é de colaboração voluntária, seu teor é de total responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a opinião do Portal Guiame.

Deixe um comentário