10 compromissos do líder

(Foto: Amo Família)

(Foto: Amo Família)

Publicado em Quinta-feira, 10 Setembro de 2020 as 1:24

O líder é alguém que foi instituído por Deus para realizar as tarefas de acordo com seu chamado, muito observado, passa por situações adversas no decorrer do seu ministério.

Veja alguns compromissos assumidos pela pessoa quando se torna um líder:

Fazer o possível, procurando sempre me lembrar, pedindo a amigos, esposa e, em oração, de que prazer, poder, popularidade e posses são ferramentas que me foram graciosamente concedidas pelo Senhor, ficar atento para a essência, para o conteúdo que alimenta o povo de Deus, ciente de que não existe diferença, senão nas ferramentas que cada um maneja e em suas funções.

Nem me sentir superior, nem o contrário, o poder e a liderança são ferramentas para servir, portanto não devo achar que a obra e os membros são meus, mas dispor-me a servi-los e ao Senhor.

Além do serviço ministerial é necessário ter uma vida com Deus

Lembrar-me sempre de que, ainda que seja um seminarista, um líder, um clérigo, estou sujeito a não buscar uma vida de intimidade com Deus, substituindo a obra de Deus pelo Deus da obra.

Preciso resistir às pressões da sociedade, igreja e família e concentrar-me na essência do cristianismo, Cristo.

Procurar manter a mente alinhada com os padrões de Deus, para ser exemplo, referência, modelo do rebanho, de tal modo a ter influência positiva sobre os demais, mantendo sempre a postura da criança que deseja aprender.

Ser coerente com minha filosofia de ministério: pronto para aprender; pronto a repartir, pronto para servir; atento às oportunidades.

Sensível a família, dando prioridade ao chamado, preciso buscar prazer e satisfação naquilo que é nobre, procurando gostar do que Deus gosta. Isto é muito prazeroso, preciso exercer a liderança sem visar minha promoção, ou fama.

Sem buscar elogios de homens, mas esforçando-me por ver os planos de Deus sendo realizados e capacitando, treinando cada vez mais pessoas para que eu possa executar outras tarefas.

Não mais verei meus bens como algo que atrapalha minha dedicação a Deus, mas como oportunidade de servi-lo com alegria e mordomia.

Minha vitória não está em sempre ir pelo caminho certo, mas em me dispor a nunca deixar de buscá-lo, toda liderança requer atenção, dedicação, oração e vida com Deus, estamos cuidando do corpo de Cristo, das almas e foi Jesus quem morreu por elas, portanto, elas são d’Ele, dê o seu melhor e se cuide para não cair nas armadilhas do erro e de planos que não são os de Deus para sua vida.

Por Josué Gonçalves, terapeuta familiar através de seminários, encontros e congressos realizados anualmente. Autor dos livros “12 Verdades que Todo Filho gostaria que os Pais Soubessem” e “Pastor: Sua Família e Seus Desafios”.

* O conteúdo do texto acima é de total responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a opinião do Portal Guiame.

Leia o artigo anterior: No que sua esperança está firmada?

Deixe um comentário