Atleta ‘prega’ durante coletiva de imprensa: “Quando você crê em Jesus, seu coração muda”

O quarterback Nick Foles durante uma coletiva de imprensa antes do Super Bowl. (Foto: Jerry Lai/USA Today Sports)

O quarterback Nick Foles durante uma coletiva de imprensa antes do Super Bowl. (Foto: Jerry Lai/USA Today Sports)

Publicado em Segunda-feira, 2 Dezembro de 2019 as 12:08

O quarterback Nick Foles, jogador da principal liga de futebol americano (NFL), pregou o Evangelho a repórteres durante uma coletiva de imprensa, destacando que conseguiu superar uma grave lesão por causa de seu relacionamento com Jesus.

Foles, jogador do Jacksonville Jaguars, quebrou a clavícula esquerda no primeiro jogo como quarterback do time. Em 11 de novembro, ele relatou aos repórteres como foi para ele lidar com esta situação.

“Não era exatamente o que eu estava esperando quando cheguei ao Jacksonville”, disse Foles. “Mas no final do dia, eu disse: ‘Deus, se essa é a jornada que o Senhor tem para mim, eu vou Te glorificar em todas as situações, boas ou ruins”. 

“Eu ainda posso ter alegria em uma lesão. As pessoas podem ouvir isso e dizer ‘isso é loucura’, mas quando você acredita em Jesus e sai para jogar, isso muda seu coração. Você só entende quando tem esse propósito em sua vida”, acrescentou o jogador. “A razão pela qual estou sorrindo é porque minha fé está em Cristo. Naquele momento, percebi que não precisava [de um] troféu para definir quem eu era, porque eu estou em Cristo”.

Ele continuou: “Meu ministério acontece no vestiário e pude conhecer pessoas através de uma lesão”, explicou Foles. “Embora eu possa não estar jogando, isso é difícil do ponto de vista carnal. Mas, do ponto de vista espiritual, eu pude crescer como ser humano”.

Foles destacou ainda que não acredita “na teologia da prosperidade”. “Acredito que se você ler a palavra de Deus e a entender, haverá provações ao longo do caminho. Mas elas equipam seu coração para ser quem você é”.

Em entrevista anterior, o jogador disse que planeja se tornar pastor de jovens depois de sua carreira na NFL e já começou a estudar teologia.

“Eu quero ser pastor em uma escola. Está no meu coração”, disse Foles. “Dei um passo de fé no ano passado e me inscrevi para as aulas no seminário. Eu queria continuar aprendendo e desafiando minha fé. É um desafio, porque você está escrevendo trabalhos biblicamente corretos. Você quer impactar o coração das pessoas”.

Deixe um comentário