Menino prodígio de 13 anos é considerado o próximo grande apologista cristão

Noah Life é aluno da 8ª série, em homeschooling, nos EUA, e foi descoberto pelo teólogo Sean McDowell. (Foto: Facebook/God Reports).

Noah Life é aluno da 8ª série, em homeschooling, nos EUA, e foi descoberto pelo teólogo Sean McDowell. (Foto: Facebook/God Reports).

Publicado em Quarta-feira, 21 Julho de 2021 as 9:22

Seguindo os passos de C.S.Lewis, Russell Shedd e Josh McDowell, um menino prodígio, de apenas 13 anos, chamou a atenção no circuito intelectual cristão e está sendo considerado o próximo grande apologista em potencial.

Noah Life é aluno da 8ª série em Los Angeles (EUA) e gosta de andar de skate, cantar hip hop gospel e ler grandes obras da filosofia e ciência sobre a fé cristã. 

Noah foi recentemente descoberto quando Sean McDowell, professor de Teologia da Biola University e filho de Josh McDowell, recebeu um e-mail do garoto com perguntas a respeito de sua tese de doutorado.

“Você está brincando comigo? Esse garoto de 12 anos leu minha dissertação? (Nahoa tinha 12 anos na época)”, pensou Sean, já que as teses são disponibilizadas apenas em bibliotecas e estudadas por estudantes da pós-graduação.

O professor McDowell apresentou Noah em seu podcast em fevereiro deste ano. O menino falou sobre seu gosto por apologética. “Eu amo apologética. Comecei a fazer apologética há cerca de dois anos. Eu estava meio entediado e li um livro. Foi super intrigante. Pela primeira vez, percebi que há evidências reais do cristianismo”, contou.

Apologética e Filosofia elevada são matérias estudadas em escolas bíblicas de graduação. Porém, Noah estuda em casa por homeschooling e começou a ler um livro sobre o tema. Quando sua mãe viu seu interesse por teologia, comprou para ele uma série de clássicos de apologética. 

O menino já leu até mesmo as teorias de oposição à apologética cristã, como “Outgrowing God”, do ateu Richard Dawkins. 

“Todos os domingos, faço uma reunião no zoom com dois de meus amigos e eles são super inteligentes. E discutimos a criação do universo, alienígenas e tudo mais”, disse Noah no podcast SpeakLife.

Além de apologista, o menino também é um prodígio da música. De descendência porto-riquenha e chinesa, Noah nasceu em uma família de músicos. Ele escreveu sua primeira música aos 8 anos, chamando a atenção do rapper cristão Propaganda, que gravou um vídeo com o garoto.

 

Deixe um comentário