Não existe melhor psicoterapia do que a oração, diz neurocientista

Que orar faz bem ao espírito, já não é segredo para muita gente. Porém, quais são os efeitos da oração, cientificamente falando? Segundo a psicóloga e neurocientista Rosana Alves, os benefícios desta prática essencial no relacionamento do ser humano com Deus já é cientificamente comprovada.

A profissional participou de uma edição do programa 'Consultório de Família', da TV Novo Tempo e falou sobre o tema, também do ponto de vista científico. O programa foi ao ar em 2013, porém um trecho de sua fala voltou a repercutir nas redes sociais nos últimos dias, alcançando milhões de visualizações.

"As pessoas muitas vezes consideram que a oração é simplesmente uma forma de nos colocarmos na posição de seres humanos, inferiores, prestando homenagem e reconhecendo que existe um Deus superior”, afirmou.

“A oração — e isso está provado cientificamente — atua em uma região do nosso cérebro, que é o sistema límbico, especificamente na região mesolímbica, e ali ela faz com que libere substâncias muito importantes, que trazem para nós um sentimento de pertencimento, melhora a nossa autoestima e faz com que nós sintamos um bem-estar muito grande”, acrescentou.

Segundo Rosana, a oração tem, sobretudo, um viés terapêutico, devido à sua proposta que é levar o ser humano a abrir seu coração diante de alguém que ele tanto confia e considera ter poder para cuidar de suas aflições, dar alívio para as tensões.

“A proposta da oração é abrir o nosso coração como se abre a um melhor amigo e quando nós vamos a uma sessão terapêutica, o que nós queremos? Contar o que vai no nosso coração, na certeza que há alguém ali para nos ouvir, que vai não somente nos ouvir, mas também nos indicar um caminho melhor para seguir, uma nova forma de pensar, de lidar com os nossos problemas”, destacou.

“Quando abrimos o nosso coração para Deus, é exatamente isso que está acontecendo. Eu posso dizer isso como estudiosa, mas principalmente como cristã: não existe melhor psicoterapia no mundo do que a oração, porque quando eu ajoelho diante de Deus, estou dizendo ‘Senhor, eu tenho as minhas fragilidades e acredito que o Senhor pode resolver todas elas’. E Ele pode resolver”, explicou.

Clique no vídeo acima para conferir a declaração.

Deixe um comentário