Mais importante do que ser religioso é ser imitador de Cristo, diz Kemilly Santos

A música foi presente na vida de Kemilly Santos desde a infância, mas sua voz se espalhou por todo o País através da música “Fica Tranquilo”, que conta com mais de 119 milhões de visualizações apenas no YouTube.

“Foi de três anos para cá, com o CD Fica Tranquilo, que Deus começou a movimentar. Mas cantar para mim sempre foi algo natural. Lá em casa todo mundo canta”, disse Kemilly ao Guiame durante a ExpoEvangélica 2019.

Hoje, aos 23 anos, ela sabe que carrega a responsabilidade de ser exemplo para a nova geração. “São muito importantes as nossas posições, os nossos pensamentos, aquilo que falamos. O que eu peço a Deus é sabedoria não só para mim, mas para todos que compõem essa linha de frente da música cristã brasileira que está ganhando um espaço gigante”, afirma.

Nascida em um lar cristão, composto por uma família de pastores ligados à Assembleia de Deus, Kemilly sente-se privilegiada. Ela observa a importância da “diversidade” de denominações evangélicas no Brasil e destaca que “não interessa onde você está, a partir do momento em que a Cruz é pregada”.

“Nós temos que ser imitadores de Cristo. O problema é que somos presos a paradigmas e dogmas religiosos porque queremos seguir outros homens. Se a gente seguisse a Cristo, seria mais simples. Eu sou feliz que a geração de hoje entende isso — que independente do que você calça ou do que você veste, mais importante é a mensagem que você carrega no coração, a mensagem que você dá através do seu testemunho”, afirma a cantora.

“Eu fico feliz que o Evangelho está sendo pregado. Estamos criando uma geração que entende que não é libertinagem, mas há uma liberdade espiritual que Cristo nos garantiu na Cruz”, acrescenta Kemilly, falando sobre os diferentes estilos entre cristãos.

Há mais de um ano fazendo parte do casting da gravadora Sony Music, Kemilly tem visto seu trabalho se expandir. “Eu fico feliz que eu esteja conseguindo passar da melhor forma possível para uma senhora de 60 anos, mas também para um adolescente pentecostal. A Sony está trazendo oportunidade para esse segmento”, destaca.

Kemilly está lançando de forma inédita o clipe da música “360 Graus”, que faz parte do álbum Vai Valer a Pena, utilizando realidade virtual: o vídeo com tecnologia 360° permite que o clipe seja visto de todos os ângulos através dos smartphones.

Os números de Kemilly no YouTube comprovam o impacto causado por suas músicas. A canção “A Promessa”, com participação da cantora Damares, alcançou 20 milhões de visualizações em cinco meses. “O Jogo Virou” tem 15 milhões de views em sete meses. Já a canção “Fogo e Glória” atingiu 1,3 milhão em apenas três semanas.

Deixe um comentário