5 atividades físicas para manter o ritmo na pandemia

É importante fazer exercícios respeitando os devidos cuidados. (Foto: Reprodução)

É importante fazer exercícios respeitando os devidos cuidados. (Foto: Reprodução)

Publicado em Terça-feira, 8 Dezembro de 2020 as 2:49

A prática de atividades físicas faz bem para a saúde do corpo e da mente. Além de ajudar a controlar o peso e auxiliar o sistema cardiovascular, colocar o corpo em movimento libera hormônios que aumentam a sensação de relaxamento e bem-estar, tão importantes em meio à pandemia.

Entretanto, com a Covid-19 em um novo momento de alta no País, sobretudo em alguns estados, é ainda mais necessário que a fuga do sedentarismo seja feita respeitando os devidos cuidados de distanciamento social. “Apesar de sabermos da importância da atividade física para o sistema imunológico, não dá para baixarmos a guarda, inclusive durante esses momentos”, ressalta o Dr. Nabil Ghorayeb, cardiologista e médico do esporte do HCor.

Segundo Ghorayeb, acostumado a atender atletas de alto rendimento e jogadores de futebol de grandes clubes de São Paulo, a recomendação para a população agora é manter a rotina de exercícios com foco nos esportes individuais, que apresentam menor risco de contágio, desde de que não gerem aglomerações ou pontos de convívio.

Conheça abaixo quais são eles:

Corrida e caminhada

O atletismo é uma das práticas individuais mais indicadas para esse momento, principalmente pela possibilidade de poder ser realizada em ambientes ao ar livre e nas ruas. “Para os menos acostumados, fica a recomendação das caminhadas. Já aqueles com mais condicionamento físico, podem investir em corridas mais intensas, sempre respeitando os limites do próprio corpo”, destaca o médico.

Corda

Pular corda é uma prática que fortalece os músculos da perna e também melhora o sistema cardiovascular, além de queimar muitas calorias. A execução pode ser feita em áreas externas ou mesmo dentro de casa, afastando alguns móveis em casos de cômodos mais amplos.

Ciclismo

Para andar de bicicleta, vale a máxima das corridas e caminhadas. É só definir um ritmo ideal para o seu corpo e partir para o pedal.

Natação

Os componentes utilizados para tratamento físico e químico da piscina, incluindo o cloro, são suficientes para matar o vírus. No entanto, na hora de nadar a preocupação deve estar com as pessoas que estão ao lado. “Em clubes, há recomendação de distância nas raias e o não compartilhamento dos vestiários. Em condomínios e casas, vale também o cuidado com o distanciamento”, comenta Ghorayeb.

Alongamento e fortalecimento

Exercícios de alongamento e fortalecimento podem ser executados em casa e requerem poucos aparatos. “Existem diferentes séries de treinos que podem ser consultadas na internet e realizadas sem a necessidade de compartilhamento de equipamentos”.

Com máscara e distanciamento social

É importante lembrar que a escolha por esses esportes individuais é dada exatamente para evitar contatos. Por isso, nada de agendar encontros com grandes grupos, para realização desses exercícios.

“A proposta é exatamente minimizar os riscos gerados pelas aglomerações, ou seja, devemos praticar essas atividades sozinhos ou, no máximo, com pessoas que moram na mesma casa. Ainda assim, é preciso muito cuidado", diz.

Além disso, nos casos em que a execução se dá fora de casa, continua valendo a orientação para o uso da máscara cobrindo nariz e boca corretamente. “Somente com a vacina poderemos voltar a praticar todas as atividades físicas que gostamos, sem exposição a riscos”, finaliza o médico.

Deixe um comentário